Assinem agora a petição para que Câmara e Senado rejeitem a MP 653/14

Criada pelo CRF/SP, a petição “Farmacêutico é direito #MPnão” quer coletar o maior número possível de assinaturas para que a Câmara dos Deputados e o Senado Federal rejeitem a MP 653/14 e derrubem os vetos aos artigos da lei 13.021.

 

Entenda: No dia 11 de agosto, foi publicada a Lei 13.021/14 conhecida como “Farmácia Estabelecimento de Saúde”. A lei significa um grande avanço em termos de saúde pública, por caracterizar a farmácia como uma unidade de prestação de serviços, destinada a prestar assistência farmacêutica e assistência à saúde.

No entanto, ao sancioná-la, a presidente Dilma Rousseff vetou quatro artigos e editou a MP 653/14 que propõe que as microempresas e empresas de pequeno porte mantenham a situação atual no que diz respeito à responsabilidade técnica de farmacêutico, uma vez que determina que se aplique o artigo 15 da Lei Federal nº 5.991/73 a esses estabelecimentos. Ou seja, tecnicamente não muda nada, pois as farmácias continuam precisando de um responsável técnico inscrito no Conselho Regional de Farmácia, que é o farmacêutico.

Ao dar margem a dúvidas, acerca da necessidade da assistência farmacêutica, a edição dessa MP é uma afronta à saúde do povo brasileiro. Houve um flagrante desrespeito aos princípios constitucionais de que todos são iguais perante a lei sem distinção de qualquer natureza e de que a saúde é direito de todos e dever do Estado.

Para assinar: Clique aquiÀ sua direita, coloque seu endereço de e-mail. É opcional escrever  por que a petição é importante. Em seguida coloque seu nome, País e CEP e clique em “Assine”. É possível também assinar e compartilhar a petição no Facebook para que outras pessoas também assinem.

Para chegar até à Câmara e ao Senado é preciso ter 1 milhão de assinaturas.

 

Fonte: Paula Maciulevicius, da Assessoria de Imprensa CRF-MG.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.